Revês

Revês

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

A arte de um beijo

Poema : Desejo


Anoiteceu... O sono resiste.
Desejo ter sonhos românticos
Quero sonhar com o que eu não tenho

Sinceramente,
Sonho com a próxima vez...
Já consigo sentir meus lábios
Sentindo o calor dos lábios
De outrem.

Quem? Eu não sei.
Isso não importa.

Quero sonhar com as sensações
Daquela que é beijada.
Não precisa ter amor,tampouco
Obrigação.

Só precisa ser bom.
Sonho com aquilo que não possuo
Mas... Desejo.

Nos meus sonhos loucos
Não importa (sequer vejo) quem me beija
Pois, a atenção está totalmente dirigida
Ao sentir o calor do corpo da pessoa
Desejada.
O seu toque sobre mim...

E a sensação mais esperada acontece:
O total desconexo da minha mente
E o mundo

Eu sonho em ser beijada
Porém, já anoiteceu
O Sono me alcançou
E o mundo já me recuperou.